quinta-feira, 5 de maio de 2011

Gratidão a Deus

Lucas 17: 11-19
E aconteceu que, indo ele a Jerusalém, passou pelo meio de Samaria e da Galiléia;
E, entrando numa certa aldeia, saíram-lhe ao encontro dez homens leprosos, os quais pararam de longe;
E levantaram a voz, dizendo: Jesus, Mestre, tem misericórdia de nós.
E ele, vendo-os, disse-lhes: Ide, e mostrai-vos aos sacerdotes. E aconteceu que, indo eles, ficaram limpos.
E um deles, vendo que estava são, voltou glorificando a Deus em alta voz;
E caiu aos seus pés, com o rosto em terra, dando-lhe graças; e este era samaritano.
E, respondendo Jesus, disse: Não foram dez os limpos? E onde estão os nove?
Não houve quem voltasse para dar glória a Deus senão este estrangeiro?
E disse-lhe: Levanta-te, e vai; a tua fé te salvou.   

Semelhanças nas atitudes dos leprosos:
·         Todos foram se encontrar com JESUS, todos foram ao encontro de JESUS.
·         Todos clamaram a JESUS, todos pediram misericórdia para JESUS.
·         Todos estes leprosos queriam uma benção da parte de JESUS, todos queriam ser curados.

Ø  Jesus ordenou que os leprosos fossem e se mostrassem aos sacerdotes. E aconteceu que indo eles, ficaram limpos.
Precisamos seguir a direção de Deus, obedecer à voz de Deus. Aquilo que é impossível para nós, que nós não podemos fazer Deus faz, mas aquilo que nós podemos e que cabe a nós fazer somos nós que temos que fazer. Para nós recebermos vitória também depende de nós inclusive da nossa obediência a Deus. Se os leprosos não tivessem obedecido aquilo que JESUS ordenou, se os leprosos não estivessem indo de encontro aos sacerdotes acredito eu que eles não teriam sido curados naquela ocasião. Precisamos orar e fazer aquilo que Deus nos ordena, nos dá direção. A fé sem obras é morta (Tiago 2:17)

Diferença na atitude dos leprosos:
·         Jesus curou os 10 leprosos, mas apenas um (que por sinal era samaritano) voltou para agradecer a Jesus.
·         Apenas um leproso se mostrou grato a Jesus.
·         Este leproso fez a diferença porque ele não esqueceu o que JESUS havia feito por ele, ele não esqueceu quem o tinha abençoado.
·         Quantas vezes nós somos ingratos para com Deus, quantas vezes nós colocamos as nossas bênçãos acima de Deus na nossa vida. Quanta das vezes nós oramos, obedecemos, nos dedicamos, recebemos a vitória, mas esquecemos de fazer algo importantíssimo, nós deixamos de agradecer a Deus, nós algumas vezes esquecemos de quem nos deu a vitória, quanta das vezes pegamos a glória para nós e esquecemos que sem Deus nada podemos fazer. (João 15:5)
·         Deus gosta de um coração grato a Ele, não deixe de agradecer a Deus e jamais abra mão da presença de Deus, jamais troque o abençoador pela benção, às bênçãos são boas, maravilhosas, mas que jamais venhamos esquecer quem nos entregou a benção (o Abençoador que é JESUS).
·         Que venhamos lembrar que JESUS é maior, mais importante do que qualquer benção.

Ø  Até para nós agradecermos a Deus, sermos gratos a Deus precisamos de fé.
Levanta-te, e vai; a tua fé te salvou. (Lucas 17:19c)

·         Quando recebemos vitória aí mesmo é que precisamos permanecer orando porque satanás não gosta quando somos abençoados mais um motivo para não pararmos de orar.
Orai sem cessar. (1 Tessalonicenses 5:17)



Obs:

Lepra

A lepra é uma doença infecciosa causada pelo bacilo Mycobacterium leprae que afeta os nervos e a pele e que provoca danos severos.
A denominação "léprêã" é utilizada na bíblia hebraica como "tsaraáth" tendo o significado de desonra, vergonha, desgraça.
A hanseníase foi durante muito tempo incurável e muito mutiladora, forçando o isolamento dos pacientes.

Samaritanos
A visão cristã sobre os samaritanos
O surgimento do Cristianismo se deu em uma época de conflito entre judeus e samaritanos, e o ministério apostólico os englobou em sua obra missionária (por exemplo João 4:5-42 e Atos 8:4-19). Jesus, por exemplo, usou esta diferença religiosa para enfatizar o amor ao próximo na história do "Bom samaritano" (Lucas 10:25-37).
Fonte: Wikipédia-  pt.wikipedia.org

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário